Pastor acusado de agredir ex-esposa é preso dentro de templo. 1



A Polícia Civil do Amazonas prendeu neste sábado (8) em Manaus, um pastor evangélico de 35 anos, suspeito de agredir a ex-esposa. O religioso foi preso no templo na Igreja Evangélica do Avivamento, localizado na Avenida Constantino Nery, próximo ao Terminal de Ônibus (T1), no Centro da capital.

De acordo com os oficiais, por volta das 16h30 os investigadores da Polícia Civil do Amazonas, lotados na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM), Renan Caldas e Manoel Alencar, prenderam o pastor em cumprimento ao mandado de prisão.

A ordem de prisão foi expedida pelo juiz Carlos Zamith após a ex-esposa do pastor, de 38 anos, realizar denúncia contra ele por supostas ameaças, agressões a ela e aos filhos do casal, além da acusação de mantê-la em cárcere privado dentro da própria casa, por calúnia e difamação. Segundo a polícia, o casal estava separado há cinco meses e o advogado do suspeito já havia entrado com o pedido de divórcio em abril deste ano.

Ainda de acordo com a polícia, o pastor em depoimento alegou que a ex-esposa começou a briga por motivos de interesses financeiros provenientes da igreja. O suspeito vai responder pelo Artigo 141 do Código Penal, combinado com o Artigo 41 da Lei n° 11.340/06 da Lei Maria da Penha.

fonte g1.com

share medium Pastor acusado de agredir ex esposa é preso dentro de templo.

Paulo Ricardo

Cristão, Evangélico, Divulgador Gospel, trabalho no A Noticia Gospel e em outros sites, evangélicos divulgando e contribuindo voluntariamente com conteúdo.

One comment on “Pastor acusado de agredir ex-esposa é preso dentro de templo.

  1. Reply daniel alves set 11, 2012 16:56

    Cadeia nesse falso profeta, ministro de Satanás e explorador da opinião pública (2Cor. 11:12-15)
    Eu estou sempre dizendo que religião é igual a COMÉRCIO. Os interesses são iguais: LUCRO!
    Infelizmente a falta de conhecimento Bíblico leva o POVO a procura de igrejas e a serem exploradas por esses demagogos. (Mateus 10:9,10)

Leave a Reply